Prefeitura Municipal de Descalvado

Notícias

"Dia Internacional da Mulher: Secretária do Social presenteia as mulheres do hospital com música clássica"

"Um novo projeto para incentivar e ampliar o ensino da música no município começa a ser traçado. Poder público buscará parceria com a iniciativa privada"


Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher,  dia 08 de março, a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SADS) programou uma visita aos enfermos e visitantes da Santa Casa de Misericórdia de Descalvado, no período da tarde e em parceria com as Secretarias de Saúde e de Educação e Cultura levou música clássica para dar mais alegria a todos.

O grupo de músicos da Escola Municipal de Música “Maestro Quique Todescan” e ACORDE (ONG “Cordas da Cultura de Descalvado”), regidos pela professora Luciana de Crescenzo acompanharam a primeira dama e secretária da SADS, Maria do Carmo Reschini nesta visita ao hospital fazendo  várias apresentações de melodias clássicas, que fizeram todos sorrirem.

As apresentações ganharam os aplausos de quem está internado, dos parentes e amigos durante a visita  e dos enfermeiros e demais funcionários da Santa Casa. Maria do Carmo fez questão  de cumprimentar  todas as mulheres que conseguiu encontrar, com muito amor e carinho, sempre com uma palavra amiga e de conforto.

A recepção a este grupo  de visitas, em  homenagem  a todas as mulheres foi preparada pela nova administração do Hospital que conta com as profissionais Márcia Pratta e Michele Líbero, desde o dia 07, terça-feira.

Ao som de  grandes clássicos do cinema teve gente que se emocionou. Muitos saíram dos quartos para registrar as imagens com o celular. Segundo informações da professora Luciana as visitas de músicos da
Escola  de Música e ACORDE às entidades em datas especiais já acontece  há quatro anos e agora, com o apoio da SADS esses eventos poderão  ser mais frequentes.

Após toda a apresentação, o grupo de visitantes foi surpreendido com uma sala preparada para festa, com uma mesa farta com bolos e refrigerantes para homenagear todas as mulheres trabalhadoras do hospital. Receberam vários mimos como a leitura de um texto emérito por  Maria de Faria Colussi (auxiliar administrativo da Santa Casa), a presença de uma representante de produtos de beleza com  degustação e a realização  de chapinhas e escovas.

“A mulher tem uma luta histórica, em se provar forte e guerreira através do tempo! Lutas sociais e coletivas: pelo reconhecimento, pela igualdade de direitos, de salários de oportunidades... e lutas únicas, travadas no íntimo de cada uma, tecendo sua história de vida e de todos ao seu redor, sempre sustentadas pelo amor, amor este intrínseco à mulher, pois são construídas para carregar o bem mais precioso de todos: a vida!”, resumiu este importante dia, Maria do Carmo.

A primeira dama do município e o prefeito Becão parabenizam todas as mulheres que devem  ser homenageadas todos os dias. “Parabéns mulheres, vocês merecem!”

A cura pela música

Creches, hospital,  asilos  e demais entidades públicas assistenciais são alvos das apresentações especiais desses músicos, que buscam suprir a carência emocional através da música. Segundo a professora Luciana essa experiência de levar  a música aos mais carentes é uma experiência ‘fantástica’ capaz de mover até mesmo quem está inerte.

A assistente social da Atenção Básica Municipal, Ercília Custódio Recco diz que "o incentivo à música é benéfico tanto aos que fazem apresentação como para aos que nela tem acesso".

O CAPS -Centro de Atenção Psicossocial de Descalvado - atende  hoje 2.022 casos de acompanhamentos psicológicos e/ou psiquiátricos no município, que poderão  ser beneficiados com  a inclusão da música em seus tratamentos.

Segundo  relatos, a importância da música como percurso terapêutico começou há milhares de anos, com as culturas mais primitivas. Não é novo que a música cure. O que ocorre é que as pessoas do Ocidente necessitam de provas de laboratório para acreditar que aquilo que  acontece todos os dias com quem ouve música é definitivamente real.

Os médicos têm encaminhado cada vez mais seus pacientes para essas terapias, que servem como complemento ao tratamento médico em que ela está inserida. Nesse sentido, a musicoterapia tem a função de elevar a autoestima do paciente, levá-lo a refletir sobre suas potências interiores diante da enfermidade que o assola e conduzi-lo à certeza de que há nele forças o suficiente para vencer todos os obstáculos e voltar a ser saudável e feliz.

ACORDE

A ACORDE foi criada através dos trabalhos desenvolvidos  na Escola Municipal de Música que hoje conta muito com a ação  voluntária de professores e está aberta à recepção  de crianças e jovens em situações de risco. “O objetivo é que a música não pare”.

Vale lembrar que o grupo ACORDE foi finalista representando Descalvado nas últimas edições do Mapa Cultural Paulista 2013/2014 e 2015/2016, elevando a moral cultural  do  município em todo Estado de São Paulo.

Parceria público-privada

A Escola atende hoje 140 alunos com uma lista de reserva  de  mais 150 por falta de professores. No próximo dia 24 de fevereiro, a Escola estará  realizando um encontro com representantes do setor privado  propondo uma parceria público-privada, para que a ONG ACORDE consiga captar verbas da  iniciativa privada  para que a Escola  Municipal não pare e sim possa ampliar seu atendimento até aos alunos que estão na lista de espera.

Luciana é  a atual chefe da Escola Municipal e  atua como professora de três instrumentos musicais  ao lado do servidor e músico Jamir e de  mais três voluntários,  o Léo, a Jucimara e o Bruno, que estão dando este apoio  desde o ano passado.

De acordo com Maria do Carmo essa é uma iniciativa que a administração Becão Reschini e Luiz Carlos Vianna estará  apoiando e buscando para que dê certo e a música deverá estar mais presente na vida  da população descalvadense.

Publicado em:2017-03-21-13:25:22
Fonte: Assessoria de Comunicação